Sabe quantos idosos, apesar de viverem no centro histórico de Lisboa, sentem-se sós?

64%

Queremos mudar este número, e como?

Naquela manhã a Biblioteca "Na Rua com Histórias" parou no largo da D. Palmira, do Senhor Manuel e da D. Ivone. Abriu as portas, as cadeiras e os primeiros leitores aproximaram-se. Uns habituais, outros que passavam e por curiosidade pararam. Enquanto a biblioteca ficou aberta para todos, a equipa de voluntários dirigiu-se aos seus destinos. A D. Palmira abriu a porta com custo, mas o sorriso acompanhava o abraço que deu à voluntária que a foi visitar, e ansiosa para continuar a ouvir o romance, sentou-se no seu lugar habitual do sofá, e preparou-se para saber como ia acabar aquela história de amor. E também para conversar e relembrar os seus amores e desamores. O Senhor Manuel abriu a porta queixosa das pernas, mas depois de ouvir em detalhe as notícias do seu jornal desportivo favorito, até as dores se desvaneceram. Já a D. Ivone estava cheia de vontade de mostrar os avanços na sua toalha de renda, ver a nova revista de tricot e poder dar dois dedos de conversa com a sua amiga voluntária.

Queremos levar Vida  à vida de quem está só.

Acreditamos no poder transformador da leitura e da sua partilha. Queremos com a biblioteca itinerante “Na Rua com Histórias", inspirada nas antigas bibliotecas itinerantes da Fundação Calouste Gulbenkian, chegar às ruas estreitas de Lisboa, e a todos, parar, estar, motivar os idosos a saírem de casa, e também ir ao encontro de quem vive só, e não se consegue deslocar, levando livros, jornais, revistas, leitura em voz alta, esperança, afectos, e criação de valor. Dando oportunidade à transformação individual e social.

Problema

Nudez Social - Isolamento Social e iliteracia no Centro histórico de Lisboa.

Objectivos Específicos

  • Inclusão social
  • Aumentar a auto-estima
  • Combater o isolamento
  • Promover o envelhecimento activo
  • Oferecer um terreno neutro para pessoas de diferentes origens face a face, compartilhando histórias e livros
  • Contribuir para a transformação Individual e social       
  • Combater a iliteracia

Público-alvo Freguesia de Santa Maria Maior: 12 961 habitantes; Fonte: INE, Censos 2011

Freguesia de S. Vicente: 15 339 habitantes

De pessoas em situação sem abrigos:

  • Freguesia de S. Vicente: 37,
  • Freguesia de Santa Maria Maior: 30
Sobre o promotor: 

E quem é Elsa Serra?

Sou Contadora de Histórias. As histórias acompanham-me desde que nasci, desde as que ouvia, escrevia e lia, e o bichinho ficou para sempre.

Em 1999, quando comecei a dinamizar ateliers de escrita criativa, com crianças de norte a sul do país em bibliotecas e escolas, as histórias contadas estavam sempre lá.

Publiquei cinco livros. Tenho andado de sul a norte, como contadora de histórias, dinamizadora de ateliês de escrita criativa e formadora. Este percurso ensinou-me que as histórias estabelecem oportunidades únicas de partilha e de transformação.

Mas nós somos um todo. A nossa vida e a profissão fundem-se. E há acontecimentos na vida que nos fazem olhar para o que nos rodeia de outra forma, como a artrose total da anca que me foi diagnosticada aos 37 anos, e que passado 7 anos me tinha roubado grande parte da minha autonomia, e me fez viver a solidão que nasce da impossibilidade que o corpo tem de acompanhar o ritmo da sociedade. Esta doença mais comum nos idosos fez-me olhar para um problema bem presente na nossa sociedade e que é urgente travar, a solidão dos mais velhos, porque o corpo já não acompanha os movimentos da vida.

Orçamento e prazos: 

Já estamos no terreno a sinalizar idosos que não conseguem sair de casa, e a começar a visitá-los. Estamos a conhecer a comunidade para melhor chegar a eles, catalogar livros e toda a logística que um projecto desta dimensão exige. Entrevistar os inúmeros voluntários que já se candidataram, pô-los no terreno. Há despesas inerentes a todo este processo. Acreditamos que passo a passo chegamos onde queremos, e juntos vamos mais longe. E para este primeiro passo contamos com o vosso apoio. As reuniões com potenciais financiadores têm sido bastante motivadoras e o feedback dos parceiros e da comunidade em geral também, o que nos faz acreditar que dentro em breve teremos o montante total para ter o veículo na rua.

Para já precisamos desta mola de arranque - 3000,00€

  • Logística - 700,00€
  • Impressão material divulgação – 300,00€
  • Gestão do projecto – 1500,00€
  • Seguros voluntários – 500,00€
Imagens: 
Documentos: 
  • Anónimo
    23/10/2016 - 12:49
    Creio que é um bom projecto para todos, todos ganham, os que o fazem e os que o recebem.
  • Retrato de Maria Sidonio Sousa
    22/10/2016 - 18:38
    Era óptimo se conseguissem!!!! vou ficar a torcer :-)))
  • Retrato de Maria João Trindade
    21/10/2016 - 23:52
  • Retrato de Eduarda Ferreira
    20/10/2016 - 22:48
    Que boa ideia :-)
  • Retrato de Maria João Viegas de Almeida
    11/10/2016 - 15:09
    Desejo que este projeto seja um sucesso enorme
  • Anónimo
    06/10/2016 - 10:07
  • Anónimo
    03/10/2016 - 15:43
  • Retrato de Filipa Vicente
    28/09/2016 - 20:50
  • Retrato de Fatima Pinto Camilo
    27/09/2016 - 15:36
    Força no projecto Elsa
  • Retrato de Marco Taylor
    26/09/2016 - 16:28
  • Retrato de Maria do ceu Fialho
    22/09/2016 - 18:47
  • Retrato de Olivier Léon Emmanuel Pourbaix
    15/09/2016 - 12:03
    Projecto giríssimo! Aqui vai o apoio dos colegas 'boaboa' do Triciclo de Santo António.
  • Retrato de Raquel Salgueiro
    15/09/2016 - 08:41
    Parabéns por mais esta iniciativa! Parabéns pelo trabalho na comunidade, com a comunidade e pela comunidade. E as histórias, sim. Sempre as histórias... :)
  • Retrato de Anabela Duque
    13/09/2016 - 18:14
    Sucesso!!!!
  • Retrato de Carmen Almeida
    13/09/2016 - 17:16
  • Retrato de Miguel Kreiseler
    09/09/2016 - 16:10
    Força. Excelente ideia. Continua a mudar o Mundo
  • Retrato de Vitor Delgado Alves
    09/09/2016 - 16:09
    Bela Iniciativa!
  • Retrato de Ana Lúcia
    09/09/2016 - 12:21
    Um projeto de um humanismo profundo tão merece tudo o que lhe possamos dar!
  • Retrato de Marisa Moura
    08/09/2016 - 17:45
  • Retrato de Paula Cristina Pereira Jacinto Cusati
    07/09/2016 - 19:23
    Que as vossas histórias e sorrisos cheguem a todos! Um beijinho.
  • Anónimo
    26/08/2016 - 14:56
  • Anónimo
    26/08/2016 - 13:36
    Boa sorte com o projeto! Espero que consigam leva-lo para a frente!
  • Retrato de Andreia Pereira
    26/08/2016 - 12:32
    É um prazer acompanhar o teu trabalho Elsa! Obrigada por teres seguido o teu coração e trazeres amor a todos nós.
  • Retrato de João Leitão
    26/08/2016 - 12:31
    ... um dia também vamos ser idosos e de certeza que vamos querer que se lembrem de nós ...
  • Anónimo
    26/08/2016 - 12:30
  • Retrato de Filipe Lopes
    26/08/2016 - 12:28
  • Anónimo
    26/08/2016 - 11:38
  • Retrato de Joana Nogueira
    25/08/2016 - 14:28
    Beijinho, Elsa, e força para levares e trazeres histórias bonitas!
  • Retrato de Maria Teresa Leitao
    25/08/2016 - 08:12
    Bravo, bela iniciativa! moro para já no estrangeiro mas gostaria muito de acompanhar a evolução do vosso projecto, é lindo!
  • Anónimo
    24/08/2016 - 18:08
  • Retrato de sofia maul
    23/08/2016 - 21:14
    fantástico projecto!